Mãe fica desempregada e fatura 4x mais sem deixar as crianças!

Mãe fica desempregada e fatura 4x mais sem deixar as crianças! É uma história de superação que mudou quando ela viu uma publicação na internet!

Maria do Carmo com 36 anos, esposa, mãe de dois filhos, aluguel para pagar, fica desempregada em período de pandemia e após incríveis 2 meses consegue faturar até 4x mais que a antiga profissão e se torna empresária!

Maria trabalhava como auxiliar de limpeza em uma empresa no interior de São Paulo, chegava em casa a noite, preparava a comida dos filhos e do marido e quando tinha um dia de folga ainda limpava a casa.

Situação muito comum de milhares de pessoas, Maria ainda pagava aluguel e ajudava o marido com as contas de casa, mas disse que graças a Deus nunca passou fome.

Com apenas 2 anos de registro nessa empresa, chegou um período de crise mundial por conta da pandemia e teve que ser mandada embora, com aluguel para pagar, duas crianças, prestações atrasadas e lojas cobrando, Maria não sabia o que fazer.

Só o marido trabalhando com salário atrasado por conta da pandemia, crianças em casa, Maria conta que ficou desesperada chorando todos os dias.

Mãe fica desempregada e fatura 4x mais sem deixar as crianças

Mãe fica desempregada e fatura 4x mais sem deixar as crianças. Chegou a mudança de vida!

Três semanas após ser demitida, procurando ofertas de emprego pela Internet, apareceu uma publicação em seu Facebook dizendo que pessoas estavam dando a volta por cima trabalhando em casa com confeitaria.

“Foi incrível, parece que aquela publicação foi feita pra mim, nunca me senti tão empolgada para tomar uma atitude”, diz Maria.

A publicação se tratava de um curso online ensinando diversas receitas, mas o que mais chamou atenção dela, foi que eles ensinavam também como os alunos poderiam divulgar seu trabalho usando a Internet e ainda ensinavam a lucrar pelo Ifood.

Sem algumas ferramentas para trabalhar com confeitaria, Maria conta que o curso ainda dava premiações todos os meses para os alunos que cumprissem algumas regras, como liquidificador, batedeira, utensílios de cozinha e muito mais.

“Pra mim aquilo foi Deus me dando uma oportunidade, não tinha outra explicação, eu já tinha visto vários cursos online ensinando a preparar doces, mas um igual esse, ensinando milhares de receitas, como vender e ainda te de prêmios por um preço super barato, foi o único.”

Sem pensar duas vezes, Maria emprestou o dinheiro de um familiar para pagar o curso e já começou a estudar no mesmo dia. E como se fosse mágica, 2 semanas depois ela cumpriu com as regras e ganhou a premiação do mês, uma linda batedeira, justamente o que ela não tinha em casa.

Na terceira semana ela já começou a colocar o aprendizado em prática, preparou algumas receitas e divulgou usando as dicas que aprendeu no curso. Com apenas R$43,87 investido em ingredientes, ela conta que vendeu todos os doces em três dias e ganhou R$166,40.

“Eu jamais vou esquecer minhas primeiras vendas, nunca tinha trabalhado com confeitaria, estava com medo das pessoas não comprarem e ter perdido os doces mais o dinheiro que emprestei, mas foi incrível, as dicas que eles ensinavam eram muito boas e em três dias já tinha conseguido vender tudo, com um lucro de mais de R$100,00.”

Qual o curso a Maria do Carmo Fez?

“E claro que eu vou falar qual curso é esse, quero que mais pessoas assim como eu recebam esse tipo de ajuda, o nome dele é Escola da Confeitaria. Não é um curso igual outro que nós achamos por aí, eles realmente se importam com os alunos.”

Mas claro que ela iria continuar, com esses R$100,00 de lucro comprou mais ingredientes para preparar os doces, só que dessa vez vendeu todos em apenas 2 dias, pois as pessoas já tinham consumido antes e ainda indicaram ela. Os 100 reais dessa vez se transformaram em R$374,60.

“Eu realmente já tinha certeza do que queria pra minha vida, em 5 dias eu já tinha ganhado quase R$400,00. Isso sem nunca ter feito doces para vender, o que mais me alegrou foi que meu marido estava me apoiando, porque eu conseguia ajudar ele com as contas mesmo estando desempregada, foi maravilhoso.”

Trabalhando em casa, Maria conseguia cuidar das crianças, limpar a casa e ainda dedicar um tempo para aproveitar a família, continuou confiante em seu novo negócio e em 1 mês e meio conseguiu faturar mais de R$4.000,00 vendendo doces.

Com 2 meses Maria do Carmo já se tornou empreendedora, faturando 4x mais que antigamente, ela diz que já está pensando em abrir uma loja física para ampliar seu negócio.

Durante a pesquisa e entrevista feita com Maria, a equipe entrou em contato com o produtor do curso Escola da Confeitaria para verificar se o curso ainda está disponível e, eles ofereceram um desconto exclusivo para os leitores com garantia de 7 dias, caso não gostem do curso, eles reembolsam o valor total. É só clicar no botão abaixo:

Leitores tem desconto de 60%!

mãe fica desempregada e consegue faturar 4x mais sem deixar as crianças!

 

Veja também: